Campos derrota o Campo Grande fora de casa e sobe para a Série B2

Campos

Por Emerson Pereira (Fotos: Emerson Pereira/Super Gol)

O Campos Atlético viveu extremos neste ano. A equipe do Norte Fluminense foi da elite ao quarto nível do Campeonato Carioca em apenas alguns meses, mas vai se reerguendo ao término da parceria com o Carapebus. O Leão do Parque Leopoldina escreveu mais uma belo capítulo de sua história na tarde desta quinta-feira, 26, quando completa o 105º aniversário de fundação, ao vencer o Campo Grande e selar o acesso à Série B2, garantido-se também na grande decisão da Série C. Biro e Jeffinho marcaram os gols do triunfo de 2 a 0, no Louzadão, em Mesquita, colocando a equipe campista com 40 pontos e sem chances de ser alcançado. Já o Galo da Zona Oeste, que já entrou eliminado, amargou mais um revés e é apenas o sexto colocado do Grupo A, com 15 pontos.

Roxinho larga na frente com Biro

O início de jogo foi aquém do esperado, com ambos os times falhando nos passes finais. E quando ele encaixou, o Campos foi de encontro à rede. Aos 22 minutos, Biro recebeu bola de Jeffinho, ficou cara a cara com o goleiro Carlos Magno e bateu com perfeição para inaugurar o placar na Baixada Fluminense: 1 a 0. O gol animou o Roxinho, que passou a ter mais posse de bola e volume de jogo. Aos 31, Jeffinho bateu colocado de fora da área e a bola passou com muito perigo à meta do Campo Grande.

O Campusca não se encontrava em campo e só assustou os visitantes na reta final do primeiro tempo. Aos 40, Jairo limpou dois marcadores, cortou para o meio e mandou à esquerda. Dois minutos mais tarde, Hian arriscou de fora da área e obrigou o goleiro Wallef a fazer bela defesa, espalmando para o lado. Porém, aos 45, o Campos perdeu uma chance incrível. Biro abriu jogo para Túlio, que avançou e cruzou para área. Livre de marcação e com o gol aberto, o camisa 9 errou o alvo e mandou para fora.

DSC_0224

Gol relâmpago coloca o Campos na B2

O Campos voltou do vestiário com um ataque fulminante. Com apenas 45 segundo de bola rolando, Jeffinho foi lançado por Dioguinho e tocou por cobertura na saída de Carlos Magno, marcando um belíssimo gol: 2 a 0. A vantagem construída fez com que o Leão do Parque Leopoldina ficasse tranquilo em campo, sem se expôr aos perigos do adversário.

O Campos Grande, por sua vez, lançou-se ao ataque na segunda metade de etapa complementar. Aos 30, Hian tocou para Jairo, que arrematou e o goleiro Wallef salvou. No lance seguinte, novamente o camisa 20 do Campusca assustou o Roxinho, mas parou em outra bela intervenção do arqueiro campista. Fim de jogo: 2 a 0 Campos, promovido ao terceiro escalão do futebol do Rio de Janeiro.

FICHA TÉCNICA

Campo Grande 0 x 2 Campos

Campeonato Estadual do Rio de Janeiro 2017 – Série C
Fase Principal – 8ª rodada – returno

Local: Estádio Nielsen Louzada, Mesquita-RJ
Data: Quinta-feira, 26 de outubro de 2017
Horário: 16 horas

Árbitro: Pedro Goulart Martins
Auxiliares:Diego César Borges Aloe e Rafael Almeida da Silva

Campo Grande: Carlos Magno; Hebert, Cristiano, Vinícius (Matheus Menezes) e Diego; Felipe Souza, Gabriel (Christian), Renan e Hian; Davyson (Rafael Aguiar) e Jairo. T: Vilson Porto.

Campos: Wallef; Jairo, Laerte, Douglas e Tom; Allison, Dioguinho, Túlio (Yuri) e Ronalty; Biro (Iuri Robert) e Jeffinho (Rhuan). Técnico: Guilherme Batista..

Gols: Biro (0×1 – 22′ 1ºT) e Jeffinho (0×2 – 45” 2ºT)

Cartão amarelos  CAM (Jeffinho)