Com direito a apagão no Los Larios, Tigres e Resende ficam na igualdade

Por Super Gol

Nesta quarta (24), o Tigres do Brasil recebeu o Resende, no estádio Los Larios, em partida válida pela 6º rodada do Campeonato Carioca 2016. Por conta de um apagão em Duque de Caxias, o jogo começou com 15 minutos de atraso. O time da casa abriu o placar na primeira etapa, mas o Gigante do Vale empatou no segundo tempo, terminando 1 a 1. Com o resultado, o Tigres fica na sétima posição do Grupo B, e enfrenta a Cabofriense, no sábado (27) às 16h00. Enquanto a equipe visitante continua na quinta posição do Grupo A, e visita o Flamengo, no domingo (25) às 17h00.

Primeira etapa atrasada

Foto: Twitter (@sitefutrio)
Foto: Twitter (@sitefutrio)

A partida começou com 15 minutos de atraso, devido um apagão no estádio Los Larios, em Duque de Caxias. Mas quando a bola rolou, o Resende que começou levando perigo. Marcel chutou da entrada da área, mas seguro, Renan fez a defesa. Em seguida, Enrique Borja recebe cruzamento na área e finalizou travado e quase marcou o primeiro. O Tigres respondeu. Após receber bola rasteira na área, Thiago Medeiros chutou, mas a bola foi por cima.

O Gigante do Vale quase abriu o placar. Kim avançou pela esquerda e chutou cruzado, a bola bateu na trave e saiu em tiro de meta. Mas o time da casa que conseguiu o primeiro gol. Fabiano Alves, aos 33 minutos, recebeu na área e mandou de cabeça para o fundo das redes, 1 a 0. E assim acabou o primeiro tempo.

Resende empata no começo

Na volta para o segundo tempo, o Resende voltou com alteração em busca do empate, e deu resultado. Logo aos 8 minutos, Léo Silva estufou as redes, colocando 1 a 1 no placar. Após o gol, a partida esfriou. Um pouco antes do fim de jogo, o Tigres teve a chance de vencer, mas desperdiçou. Weverton deixou Fabiano Oliveira livre na cara do gol, mas o atacante perdeu, mandando por cima das traves. E assim acabou o jogo, com o empate por 1 a 1.

Tigres do Brasil

1 x 1

Resende

Estádio

Los Larios, Duque de Caxias-RJ

Estádio

Público

203 pagantes, 253 presentes

Público

Árbitro

Wagner do Nascimento Magalhães

Árbitro

Assistentes

Silbert Faria e Patricia Silveira

Assistentes

Renan; Lucão, Thiago Medeiros, Oliveira e Alex; Gabriel, Léo Bartholo, Fabiano Alves (Diogo) e Giovanni (Lucas); Fabiano Oliveira e Kelvy (Weverton). Técnico: Marcelo Cabo.

Escalações

 Arthur; Kim (Jeff Silva), Thiago Sales, Marcelo e Muriel; Léo Silva, Gustavo Moura, Jorge Baéz (Douglas Caé) e Marcel; Wandinho (Joaquín) e Borja. Técnico: Aílton Ferraz.

Fabiano Alves (33’)

Gols

Léo Silva (53’)