Com dois de Marquinhos do Sul, Cabofriense vence o Tigres e segue vivo

Por Thierry Silva

Neste sábado (27), a Cabofriense recebeu o Tigres do Brasil, no estádio Moacyrzão, em jogo válido pela sétima rodada do Campeonato Carioca 2016. Com dois gols de Marquinhos do Sul, a equipe da casa venceu por 2 a 0, e continua vivo na competição, indo aos 7 pontos, pulando para a 5º posição do Grupo A. Enquanto o time visitante permanece na 7º posição do Grupo B. Na última rodada, o Tricolor Praiano enfrenta o Volta Redonda, no domingo (06), às 17h00. No mesmo dia e horário, o Fera da Baixada visita o Macaé, no Moacyrzão.

Foto: Andréia Maciel
Foto: Andréia Maciel

Pressão da Cabofriense

Mesmo jogando longe de seus domínios, o Fera da Baixada que chegou com perigo pela primeira vez. Weverton recebeu dentro da área, fez o giro e finalizou em cima do goleiro, perdendo uma grande chance. A resposta do Tricolor Praiano foi logo em seguida. Maicon Souza recebeu livre na área, chutou forte, mas o zagueiro adversário conseguiu fazer o corte em cima da linha.

A partida continua equilibrada, com chances para os dois lados, mas com as defesas bem postadas. Antes do árbitro apitar o fim da primeira etapa, o Tigres quase conseguiu abrir o placar. Giovani cobrou escanteio bem fechado e quase conseguiu colocar no fundo das reder, mas Andrey conseguiu salvar e evitar o gol. Com isso, o jogo foi para o intervalo tudo igual.

Dois de Marquinhos do Sul

Foto: Andréia Maciel
Foto: Andréia Maciel

Na volta do intervalo, o time da casa foi com tudo para o ataque e logo no primeiro minuto quase conseguiu o gol. Fabinho Capixaba cruzou, Marquinhos do Sul cabeceou no canto e Renan fez uma linda defesa. Logo em seguida, em mais um cruzamento de Fabinho, Charles Chad mandou para o fundo das redes, mas a assistente flagrou o impedimento, invalidando o gol.

O Tricolor chegou mais uma vez, aos 12 minutos. Dessa vez Capixaba finalizou de muito longe, a bola explodiu no travessão e foi para tiro de meta. De tanto pressionar, a Cabofriense conseguiu abrir o placar. Leandro cobrou escanteio, o baixinho Marquinhos do Sul subiu bem alto e mandou para as redes, 1 a 0.

Mais um gol anulado. Na volta da parada técnica Marquinhos do Sul deixou Jardel na cara de Renan, o atacante marcou, mas a assistente mais uma vez anulou. Mas o Tricolor continuou pressionando. Jardel recebeu na área, conseguiu se livrar da marcação e chutou, o Renan mais uma vez fez ótima defesa.

Logo em seguida, Marquinhos do Sul cobrou escanteio, Maicon Souza cabeceou e Renan fez um milagre, salvando o que seria o segundo gol. Mas não teve jeito, de tanto pressionar mais uma vez, o time da casa ampliou o placar. Marquinhos do Sul soltou um foguete no canto do goleiro e mandou a bola para o fundo das redes, fechando o placar da partida, 2 a 0.

 

Cabofriense

2 x 0

Tigres

Estádio

Moacyrzão, Macaé-RJ

Estádio

Público

Não divulgado

Público

Árbitro

Paulo Renato Moreira da Silva Coelho

Árbitro

Assistentes

Carine Belmont Nascimento de Moraes e Fabiana Nobrega Pitta

Assistentes

Andrey, Júlio Lopes (Fabinho Capixaba), Juliano, Rafael Sales, Leandro; Gilson, Pedro Henrique, Maicon Souza (Cubango), Carlinhos; Marquinhos do Sul e Charles Chad (Jardel). Técnico: Eduardo Hungaro

Escalações

Renan, Alex (Lucas), Sérgio Raphael, Thiago Medeiros, Lucão, Gabriel (Kelvy), Rodrigo Sam, Ayrton (Diogo Sodré), Giovanni; Fabiano Oliveira e Wéverton. Técnico: Marcelo Cabo

Marquinhos do Sul (62’ e 85’)

Gols

Nenhum

Júlio Lopes, Juliano, Fabinho Capixaba, Rafael Sales

Cartões

Thiago Medeiros