Com grande atuação, Nova Cidade faz 4 a 0 no Pérolas Negras e sobe para Série B1

DSC_0048

Por Emerson Pereira (Fotos: Emerson Pereira)

Festa no município de Nilópolis! Mais de uma década depois, o Nova Cidade está de volta à Segunda Divisão do Campeonato Carioca. Com atuação de gala, o Quero-Quero da Baixada goleou o Pérolas Negras pela partida de volta da semifinal da Série B2 do Campeonato Carioca, na tarde deste sábado, 20, no Estádio Joaquim de Almeida Flores e carimbou o passaporte para a Série B1 de 2018. Jonatas, Leandro Sardinha (duas vezes) e Ruan marcaram os gols do histórico dia para os rubros.

O jogo

Em casa, o Nova Cidade mostrou que não iria apenas jogar com o regulamento debaixo do braço. Desde o apito inicial e com o Joaquinzão cheio, o time do técnico Junior Gomes partiu para o ataque e marcava o adversário de maneira adiantada. Aos quatro minutos, após bate-rebate na entrada da área, Ítalo recebeu bola de Diego Armando e saiu de frente para o gol. Ele bateu forte e a bola passou tirando tinta do travessão.

Porém, o Pérolas Negras respondeu logo na sequência, quando Salomão colocou bola na área e Gil cabeceou com perigo. Aos sete, novamente o Nova Cidade tratou de tomar a iniciativa. Sardinha fez jogada individual e tocou para Lucas, que chutou cruzado e parou na trave.

Os donos da casa mantiveram o bom momento e abriram o placar logo após o tempo técnico, aos 24. Diego Armando foi lançado e ajeitou de peito para Jonatas, que finalizou forte e venceu o goleiro Wellington, estufando a rede. O time de Paty do Alferes voltou a levar perigo somente aos 31 minutos, quando Salomão cobrou falta, Léo Fortunato fez a defesa parcial e Preto pegou o rebote. Quando parecia que a bola iria entrar, Jean cortou sobre a linha.

Aos 38, em contra-ataque fulminante, Diego Armando avançou pela esquerda, limpou o marcador e tocou para Sardinha. Da meia-lua da grande área, Sardinha mandou no canto direito e fez o segundo do Nova Cidade. A estrela do camisa 7 voltou a brilhar nos acréscimos, aos 49. Em jogada individual, ele invadiu a área e arrematou no catinho, entre o goleiro e a trave: 3 a 0, resultado do primeiro tempo.

DSC_0022

Com a grande vantagem construída no primeiro tempo, o Quero-Quero da Baixada voltou do intervalo cadenciando o jogo e controlando a posse de bola. Precisando de praticamente um milagre para reverter a situação, o Pérolas Negras foi para o tudo ou nada. Em saída errada do Nova Cidade, aos 14 minutos, Rafael Paty arriscou de média distância e Léo Fortunato foi no canto direito para colocar para escanteio.

Neutralizando as investidas adversárias, o Nova Cidade apostava nos contragolpes. Aos 34, Carlos Alexandre fez grande jogada pela direita, avançou com liberdade e concluiu, mas a bola se perdeu pela linha de fundo. Minutos depois, aos 41, a futura foi liquidada. O lateral-direito foi à linha de fundo e tocou rasteiro para Ruan, que encheu o pé: 4 a 0 Nova Cidade e vaga garantida na Série B1.

No próximo sábado, dia 27, o Nova Cidade disputará o título da Série B2 contra o Campos, às 15h, em local a ser definido.