Estrante, Maurinho festeja título da Série C com o Mageense

IMG_9569

Por Vitor Melo (Foto: Vitor Melo/Super Gol)

Em uma temporada marcada por estreia e conquista de título, outro personagem também seguiu os mesmo passos do Mageense. Trata-se de Maurinho, que em seu primeiro comandando a equipe da Baixada Fluminense conquistou a inédita taça, ao passar pelo Profute, na tarde do último domingo, 14, em Edson Passos. Com passagem pelo Flamengo, quando jogador, o técnico do alviverde de Magé comentou sobre o desempenho da sua equipe na competição, além de frisar o projeto desempenhado pela comissão técnica:

– Essa conquista foi maravilhosa. Foram 12 jogos muito intensos, quatro, cinco meses de muito trabalho, uma seriedade muito grande de todos envolvidos, desde quem cuidava do campo e fazia o café, da comissão técnica, do presidente e prefeito – afirma o técnico, que continua:

– Chegamos a decisão em um jogo de 180 minutos, fizemos nosso trabalho de casa (3 a 1), com muita superioridade, infelizmente ocorreu aquela chuva a partir dos 15 minutos do segundo tempo e ficou impraticável, mas sabíamos da dificuldade que é enfrentar eles (Profute) aqui. No contexto dessa decisão de 180 minutos, eu acho que nós merecíamos o título e, agora, é comemorar essa conquista – avalia Maurinho, qualificando a equipe adversária e comemorando a conquista do título.

Por fim, o comandante agradeceu às pessoas envolvidas com a proposta da profissionalização do Mageense e falou sobre o motivo de ter aceitado o projeto criado pelo Mageense, que por trás, carrega um significado muito importante para o desenvolvimento de um município:

– Um dos motivos que eu aceitei participar do projeto do Mageense foi porque o intuito não é só colocar uma equipe no campeonato profissional, não é só ser campeão e ter o oba oba, mas sim, profissionalizar um clube, tornar espelho para a garotada da região ter um norte a seguir e não ser aquela história de sair de Magé para ir ao Rio de Janeiro. Sabemos que há um custo nisso, há uma dificuldade maior e muitas das vezes a criança que poderia ter uma oportunidade no futebol acaba não tendo –  aponta Maurinho, revelando o intuito da iniciativa da presidência. Ele continua:

– Eu acreditei nisso e as pessoas envolvidas estão fazendo com que as coisas sejam as melhores possíveis. Graças a Deus fomos coroados com um acesso e com um título logo no primeiro ano, então, você pode ver que as intenções são boas e, assim, onde há intenção boa a sorte caminha junto. É maravilhoso fazer parte dessa história, desse momento de Magé, da região. Espero que todos entendam o projeto e que se aproximem cada vez mais para poder prosperar muitos e muitos anos – encerra Maurinho.