Já eliminado, Fluminense se despede do OPG com goleada sobre o São Cristóvão

Por Daniel Santos

ALTO NÍVEL. Fluminense encerra participação no OPG com goleada (Foto: Daniel Santos/Super Gol)
ALTO NÍVEL. Fluminense encerra participação no OPG com goleada (Foto: Daniel Santos/Super Gol)

O duelo dos já eliminados no Torneio OPG, o Fluminense se despediu goleando o São Cristóvão na manhã deste sábado, 10, por 5 a 1, no CT Vale das Laranjeiras, em Xerém, Duque de Caxias. A vitória deixou o atual campeão Brasileiro da categoria na terceira colocação, com 14 pontos, enquanto o time da Figueira de Melo acabou na lanterna do Grupo B, com apenas três.

A partida começou sendo dominada pelo São Cristóvão. Em sua primeira chegada, aos 8 minutos, Cléber recebeu bom passe de Felipe e concluiu nas mãos de Alexandre. Logo após, o Fluminense deu bobeira e os cadetes saíram no contra-ataque, Cléber ficou de cara para o gol mas acabou sendo derrubado por Kadu, que fez pênalti e foi expulso direto. Baby cobrou o pênalti e abriu o placar para os visitantes.

O Tricolor das Laranjeiras chegou ao empate dando o mesmo troco, aos 32. Divão cometeu penalidade máxima e Felipe foi para bola, deixando tudo igual. Em seguida, após outra falha do São Cri Cri, Marcus Wendel não perdoou e conseguiu a virada .Ele limpou a marcação, passou pelo meio de campo e bateu no canto esquerdo de Erik. Já o terceiro gol do Flu saiu aos 40 minutos, quando Patrick recebeu passe de Breno e mandou uma bomba fora da área.

Na segunda etapa da partida, no início de jogo as duas equipes tiveram poucas chances de gols e receberam muito cartões. Na volta da parada técnica foi diferente. O Fluminense foi criando oportunidades até aparecer o quarto gol, com Peu. Walney também deixou o seu com uma pintura de gol para dá números finais ao duelo: 5 a 1 para os tricolores.

FICHA TÉCNICA:

FLUMINENSE 5 x 1 SÃO CRISTÓVÃO
Estádio CT Vale da Laranjeiras, Duque de Caxias-RJ Estádio
Público Portões abertos Público
Árbitro Rafael Ferreira Teixeira Árbitro
Assistentes Anderson Salgado Duque e Leandro Lima Goudard Assistentes
Alexandre; Breno Caetano, Frazan, Kadu, Marcinhoe Mascarenhas; Fernando (Peu), Marcus Wendel (Walney) e Felipe; Lucas Silva e Patrick (Ramon). Técnico: Daniel Pinheiro. Escalações Erick; Matheus, Divão, Renteria, Yuri e Rodrigo Sacramento; Felipe (Miguel) e Heitor; Calebe (Welerson), Cleber e Baby (Marquinhos). Técnico: Bufalo Gil.
Felipe, Marcus Wendel, Patrick, Peu e Walney Gols Baby
Kadu (vermelho), Patrick, Felipe e Jonathan Cartões amarelos Divão, Yuri, Matheus, Cléber (vermelho), Renteira e Miguel (vermelho)