Juventus resolve no primeiro tempo e vence o Nova Cidade

Por Emerson Pereira (Foto: Emerson Pereira)

A manhã deste domingo (3) foi pra lá de feliz para o Juventus. Jogando no Estádio Romário de Souza Faria, em Duque de Caxias, o Alvinegro derrotou o Nova Cidade por 2 a 0, chegando aos seis pontos no Grupo B. Desta forma, o time de Nilópolis segue com o ponto conquistado na estreia, no Grupo A. Deivison e Robson foram os autores dos gols.

O jogo

Com a bola rolando, os times mostraram que não ficariam acuados. A primeira chance surgiu com o Nova Cidade, quando Diego Armando enfiou bola para Willian, que finalizou fraco e o goleiro Matheus defendeu. O Juventus não deixou barato e abriu a contagem com Deivison, aos 14 minutos. Ele aproveitou a sobra de defesa rubra e bateu cruzado, mandando no canto direito de Ewerson.

Aproveitando o bom momento, o Alvinegro quase ampliou aos 25. No lance, Yogo recebeu com liberdade e arriscou de fora da área, mas a bola explodiu no travessão e saiu em tiro de meta. O Nova Cidade voltou a ter uma oportunidade em cobrança de falta de Willian, que passou rente a trave esquerda. Contudo, o Juventus manteve-se efetivo e ampliou aos 44, em cabeceio de Robson após falta cobrada por Yogo: 2 a 0.

No segundo tempo, o Nova Cidade foi para o tudo ou nada. O técnico Jailton Caravela, que não ficou no campo por cumprir suspensão, centralizou o atacante Diego Armando e colocou Willian pelas pontas. Com um homem de referência na área, as bolas aéreas ditavam a tônica do jogo. Porém, todas sem sucesso. Já com a vantagem construída, o Juventus apenas administrou o resultado, expondo-se pouco até o apito final.

Próximos compromissos

Ambos os times voltam a campo no meio de semana. Na quarta-feira, 6, o Nova Cidade terá o Serrano pela frente, às 15h, em local a ser definido. Às 20h do dia seguinte, 7, o Juventus vai até o Norte Fluminense encarar o Serre Macaense, no Estádio Cláudio Moacyr de Azevedo.

Ficha técnica:

Juventus 2 x 0 Nova Cidade
Estádio Romário de Souza Faria, Duque de Caxias Estádio
Público Não divulgado Público
Árbitro Thiago Pinheiro Ferreira Árbitro
Assistentes André Luis Azevedo de Souza e Lionel Oliveira Batista de Abreu Assistentes
Matheus; Robson, Sidney, Lucão e Ferrugem; Gleidson, Cadin (Luis Claudio,), Rafael (Tatu) e Carlinhos; Yogo e Deivison. Técnico: Merica.

Escalações

Ewerson; Victor Jorge, Ítalo, Mateus Guimarães e Marcus; Matheus, João Batista e Robson; Ruan, Willian e Diego Armando (Matheus Conceição). Técnico: Elenilson Vicente.
 Deivison e Robson Gols
Lucão, Cadin e Tatu Cartões amarelos Willian