No Chile, Vasco goleia o Universidad Concepción e encaminha classificação na Libertadores

vascodagama--1517450319900

Por Rafael Ramadas (Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco)

Em noite mágica de Evander, o Vasco da Gama venceu no Estádio Municipal de Concepción, por 4 a 0, e abriu ótima vantagem na pré-Libertadores. A equipe pode perder até por 3 a 0 no o jogo de volta, em São Januário, na próxima quarta-feira(7/2), que estará classificado.

O jogo

A partida começou com o time da casa tomando as ‘rédeas’ da partida, até que em uma bela troca de passes do Vasco da Gama, aos dois minutos, saiu o gol. Evander recebeu passe de calcanhar de Paulinho e arrematou para o gol: 1 a 0. A equipe chilena demorou alguns minutos para se recuperar. Com o Cruzmaltino na frente, os jogadores tocavam bem a bola e com calma esperando o momento certo para atacar novamente.

Aos 15 minutos, com uma bobeada da defesa, Andres Ríos apertou o goleiro Cristian Muñoz, que foi dar um chutão e acabou entregando nos pés de Evander. Com calma, ele bateu e ampliou a vantagem em Concepción. Após o segundo gol, o time da casa tentava buscar o ataque, mas encontrava uma defesa sólida pela frente. Aos 18 minutos, Santiago Silva cabeceou para o gol com perigo e a bola passou à direita da meta vascaína.

A troca de passes do time carioca seguia envolvente e sem pressa, o que fez com que a torcida adversária se irritasse.
Já no fim do primeiro tempo, o Vasco ainda teve a chance de ampliar o placar em uma boa jogada de Paulinho, que soltou uma bomba e o goleiro espalmou no pé de Evander. Contudo, ele chutou para fora com o gol vazio.

Depois do intervalo, o Universidad voltou mais agressivo para tentar diminuir a desvantagem, mas quem chegou mais perto de fazer o gol foi o Vasco. Aos cinco minutos, Andrés Ríos ficou livre com o goleiro e mandou com perigo. Logo após, a equipe chilena deu a resposta em uma cobrança de falta de Huentelaf quase que em cima da linha da grande área. Martín Silva afastou o perigo.

A fim de melhorar o contra-ataque e dar mais velocidade ao Vasco, o técnico Zé Ricardo colocou Rildo no lugar de Wagner. A equipe da casa ainda conseguia armar alguns lances de perigo, mas parava em mais um boa partida do goleiro Martín Silva. Que completou 200 jogou com a camisa do Vasco, diante do Concepción.

O jogo seguia morno e o time visitante que parecia jogar em casa ampliou em falha bisonha do goleiro. Rildo puxou contra-ataque e tentou passe para Pikachu, o goleiro do Universidad interceptou o passe, mas acabou soltando nos pés do lateral cruzmaltino: 3 a 0 Vasco. Três minutos depois, Rildo ampliou. Após belo passe do estreante Thiago Galhardo, o atacante saiu sozinho com o goleiro e ‘estufou’ a rede dando números finais a partida: 4 a 0.

As equipes se enfrentam na próxima quarta-feira, 7 de fevereiro, às 21h45, em São Januário.