Nova Iguaçu se apresenta e dá início aos trabalhos para o Carioca

Reapresentação

Por Super Gol (Fotos: Imprensa/Nova Iguaçu)

O Nova Iguaçu iniciou nesta segunda-feira sua pré-temporada visando a disputa do Campeonato Carioca de 2019, quando terá novamente de disputar a fase preliminar, assim como aconteceu em 2017. Cercado de expectativas, o elenco laranja se reuniu e já de cara realizou um treinamento em período integral, sob o comando da nova comissão técnica, encabeçada pelo treinador Marcelo Salles.

Após uma reunião no auditório com Salles, o vice-presidente de futebol Vitor Lima e o diretor-executivo de futebol Jorginho Moraes, os jogadores passaram pela manhã por uma bateria de avaliações e testes físicos, como o jump test, supervisionados pelo preparador físico Alex Rites e pelo fisiologista Uélbio Bezerra. À tarde, realizaram um treino físico-técnico com bola, no campo 3 do CT.

– Acredito que o fato de ter começado antes pode fazer um pouco de diferença, mas esse não é o único critério de análise para nós nesse momento. Será o trabalho que vai determinar o que podemos atingir, de acordo com o que foi traçado pela comissão. Ninguém vence sozinho, e por isso buscamos qualificar a comissão e o elenco. Esse trabalho serve para dar suporte aos atletas, mas quem vai fazer a diferença em campo são eles – afirmou Marcelo Salles, que inicia sua terceira passagem pelo clube.

Técnico Marcelo Salles

O Nova Iguaçu terá pouco mais de dois meses até a estreia na fase preliminar, dia 22 de dezembro, contra o Goytacaz, no Laranjão. A base da equipe foi mantida, como o goleiro Jefferson, os laterais Wallace e Lucas, os zagueiros Murilo Henrique e Raphael Neuhaus, os volantes Caio Cezar, Julinho e Paulo Henrique e os meias Dieguinho, Wescley e Andrezinho, principal nome da equipe. Reforços também chegaram, e serão apresentados ao longo desta semana.

– É o recomeço de uma nova vida aqui. O ano passado não foi o que esperávamos, e agora temos pouco mais de dois meses para jogar a Seletiva, um campeonato muito difícil. Acredito que temos totais condições de colocar o Nova Iguaçu no local do qual não deveria ter saído, estamos montando um grupo forte. A expectativa está muito boa e tenho certeza de que, todos juntos, vamos conseguir atingir o objetivo traçado pela diretoria, comissão e jogadores – disse Andrezinho.