Olaria e Audax Rio deixam as redes vazias em Xerém

DSCF2887

Por Gustavo de Azevedo (Fotos: Gustavo de Azevedo/Super Gol)

No estádio Marrentão, em Xerém, Duque de Caxias, Olaria e Audax Rio não conseguiram sair do zero no placar, nesta tarde de sábado cinzenta na Baixada Fluminense, em partida válida pela quarta rodada do 1º turno do Campeonato Estadual – Série B1. O resultado deixou as duas equipes coladas na classificação do grupo A da Taça Santos Dumont. O Audax Rio fica na 5ª colocação com cinco pontos, enquanto o time da Bariri estaciona um degrau abaixo com a mesma quantidade de pontos.

Goleiros pouco trabalham em jogo de poucas emoções

Tendo que jogar em Xerém, no estádio Marrentão, devido uma punição de dois jogos longe de seu estádio na Rua Bariri, o Olaria recebeu o Audax Rio tentando dar sequência ao bom momento iniciado com a vitória sobre o Carapebus na rodada passada, enquanto o Laranja Meritiense tentava recuperação da derrota para o São Gonçalo EC, em Bangu.

No entanto, nem Olaria nem Audax conseguiram mostrar um bom futebol na etapa inicial que viesse encher os olhos daqueles que foram a Xerém para esta jornada da B1. A chance mais agressiva do primeiro tempo foi do time visitante, aos 44 minutos, quando numa bola levantada na área, Gilcimar cabeceou e ela passou sobre a meta do goleiro Lucas do Olaria. De resto, a muita vontade das equipes no tempo inaugural só foi refletida pelas fortes dívidas entre os jogadores ao longo do gramado.

SAI NELA Goleiro Lucas do Olaria afasta bola de sua área em momento de raro perigo.
SAI NELA Goleiro Lucas do Olaria afasta bola de sua área em momento de raro perigo.

Na segunda etapa, as equipes voltaram com a mesma determinação, mas a criatividade não estava interessada em trabalho. Por outro lado, dificultando a vida dos jogadores das duas equipes, o campo de jogo, em mal estado, reprimia os bons tratos ao esférico. Assim, as jogadas pelo alto, principalmente por meio de bola parada, eram quase que padrão na partida.

Nos momentos que anteviam o encerramento do jogo, a partida ganhou um tom mais dramático, com as equipes se expondo mais em busca do gol. Aos 41 minutos, após a bola pipocar dentro da área do time meritiense, Lipão teve a chance da vitória olariense, mas a desperdiçou chutando sobre a meta, frente ao goleiro Jeferson. Dois minutos mais tarde, o Audax Rio respondeu. Após cruzamento da esquerda, Gilcimar testou na segunda trave para o meio da área e Zé Romário completou para o gol, mas a defensiva do Azulão da Bariri salvou a meta de Lucas. Desse jeito, Olaria e Audax ficaram no chato empate de 0 a 0.

DSCF2936
PARADA As jogadas de bola parada foram as principais armas das equipes para balançar as redes no jogo, mas não surtiram efeito.

Próximos Jogos

Na próxima quarta-feira, 13, Audax Rio e Olaria entram em campo pela quinta rodada da Taça Santos Dumont da segunda divisão. Jogando em Moça Bonita, às 10 horas, o Audax Rio recebe o Duque de Caxias. Mais tarde, às 15 horas, o Olaria terá pela frente o Serrano, em jogo que a princípio está marcado para a Rua Bariri, mas que pode ser mudado de local caso o estádio do Olaria não consiga ser liberado a tempo para o jogo.

FICHA TÉCNICA

Olaria 0x0 Audax Rio de Janeiro

Campeonato Estadual 2018 – Série B1
Taça Santos Dumont – 1ª Fase – Grupo B – 4ª Rodada

Árbitro: Márcio de Almeida Rocha;
Auxiliares: Renato Serôa da Motta e Diogo José dos Santos Araújo;

Olaria: Lucas; Jean (Anthony – Intervalo), Willian Teixeira, Rafael e Vinícius; Anderson, Ygor (Sorin – Intervalo), Pedro Paulo e Jefferson; Lipão e Vinícius Matheus (Felippe – 33′ 2°T). T: Paulo Pedro.

Audax Rio: Jeferson; Almeida, Zé Romário e Maurício; Jean (Patric Salvador – 26′ 2°T), Henrique, Rodrigo Yuri, Léo Pimenta e Azevedo (Marcelo – 20′ 2°T); Pizzi (Denilson – 33′ 2°T) e Gilcimar. T: Eduardo Allax.

Cartões Amarelos: OLA (Willian Teixeira e Lipão) – AUD (Pizzi, Gilcimar, Marcelo, Maurício e Léo Pimenta);