Portuguesa vence o America e se aproxima das quartas de final da Copa Rio

SAM_3009

Por Vitor Melo (Fotos: Vitor Melo/Super Gol)

Em disputa marcada por arbitragem confusa, America e Portuguesa se enfrentaram na tarde desta quarta-feira, 08, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa Rio, no Estádio Giulite Coutinho, em Mesquita. Fora dos holofotes desde março, a Lusa retornou aos gramados e desbancou os donos da casa, com gol de Andrezinho. Com o triunfo obtido, os lusitanos podem até empatar o próximo jogo, que mesmo assim avançam dentro da competição. 

O jogo

Num primeiro tempo onde foram distribuídos ao todo oito cartões amarelos, quem teve a primeira boa oportunidade de abrir a contagem foram os mandantes. Aos 14 minutos, Wesley lançou Willian, que bateu cruzado e a bola saiu tirando tinta da trave direita de Victor. Um minuto depois da sua primeira boa oportunidade, o Mecão chegava novamente com perigo, dessa vez com Daniel. Ele recebeu passe de Quaresma na entrada da grande área e girou para cima do marcador, após o giro, o forte chute parou no bico do travessão do goleiro Luso.

Quem não faz leva, assim permaneceu a escrita. Aos 27 minutos, depois de voltar mais ligada da parada técnica, a equipe da Ilha do Governador chegou ao seu gol na bola parada. O cruzamento milimétrico para a área na falta cobrada por André Silva, terminou com o preciso cabeceio de Andrézinho para o fundo das redes. Após o gol do adversário, a equipe de Luisinho Lemos tentava reagir criando jogadas incisivas, porém, nenhuma delas foram suficientes para igualar o placar.

SAM_3007

Propensos a mudar o destino do duelo na etapa complementar, os americanos partiram para cima e levaram perigo à meta de Victor logo cedo, aos oito, outra vez com o centroavante Daniel, que concluiu de forma concisa para a defesa do goleirão da Lusa. A resposta da equipe do técnico Rogério Corrêa veio oito minutos mais tarde, aos 16, quando Fabinho aproveitou a bola escorada por Lucas Zen e chutou forte na trave esquerda de Rafael.

Os rubros pecavam na finalização e demonstravam certo nervosismo na conclusão das jogadas, aos 30 minutos da etapa final, Raphael Carioca recebeu livre na grande área. Ele teve tempo para dominar a bola e finalizar, mas chutou em cima de Victor, desperdiçando a chance do empate. Brigado, o jogo seguia chamando a atenção para a atuação da arbitragem, que era contestada em não deixar a bola correr.

Segurando-se como podia na retaguarda, os Lusos cortavam as bolas que eram alçadas para a área e jogavam por um contra-ataque para matar o jogo. O America por sua vez, tentou de todas as formas o seu gol de empate, porém, não obteve êxito e quase viu a Portuguesa da Ilha ampliar o placar. Aos 48, na roubada de bola, Fabinho passou pela marcação e bateu colocado; a bola passou raspando a trave. Com 12 cartões amarelos e dois vermelhos, a partida terminou com a vitória da Lusa, 1 a 0 marcou o placar.

Próximos jogos

A partida de volta entre Portuguesa x America será disputada somente na quarta-feira, 22, no Estádio Luso Brasileiro, às 15h.