São Cri Cri passa por cima do Futuro Bem Próximo na Bariri

DSCF3049

Por Gustavo de Azevedo (Fotos: Gustavo de Azevedo/Super Gol)

Tarde de domingo de muita alegria para a torcida cadete na Rua Bariri. O São Cristóvão recebeu o Futuro Bem Próximo e não tomou conhecimento, aplicando uma goleada de 7 a 0 sobre o time niteroiense. Dessa forma, o time da rua Figueira de Melo alcança a vice-liderança do grupo A com 6 pontos ganhos, apesar do Queimados ainda ter um jogo a menos e assim podendo alcançá-lo nesta rodada, enquanto o Futuro Bem Próximo segue na lanterna da chave, sem pontos ganhos e sem gols marcados.

Cadetes resolvem o jogo em 20 minutos na primeira parte

Jogando na Rua Bariri, o São Cristóvão começou o jogo não dando sossego ao time do Futuro Bem Próximo. Logo com quatro minutos de jogo, Rodrigo cruzou da esquerda, Breno completou na primeira trave, a bola bateu no poste esquerdo e sobrou para Jorginho arrematar às redes. São Cri Cri 1 a 0. O Futuro Bem Próximo até ensaiou tentar equilibrar o jogo, mas com oito minutos perdeu o seu camisa 10 Richard lesionado, o que pareceu ser um difícil episódio da equipe visitante em Olaria.

Aos 14 minutos, o Futuro teve uma boa chance de empate. Luquinhas recebeu a bola dentro da grande área e arrematou pro gol, mas acabou parando em boa defesa de Germano. O time cadete acabou forçando no ataque e sem dificuldades chegou ao seu segundo gol. Aos 18, Uélio da esquerda jogou bola na área, a zaga do Futuro bobeou e Michel empurrou pro gol. São Cristóvão 2 a 0. No minuto seguinte, Breno quase fez uma pintura de gol, ao driblar três adversários desde o campo de defesa e só parar no goleiro Vitor, que salvou cara a cara.

DSCF3064

A situação do time de Paulo Maia ficou ainda mais difícil aos 22 minutos. Jorginho arrancou com velocidade pela esquerda e encontrou Breno sozinho, na segunda trave, para chegar ao terceiro gol. Dois minutos mais tarde, veio o quarto gol cadete. Pedro fez jogada pelo lado esquerdo e cruzou para Jorginho finalizar para fazer São Cristóvão 4 a 0. No restante da etapa inicial, o time cadete administrou o vantajoso resultado, sustendo o Futuro Bem Próximo, que se mostrou bastante abalado e sem reação.

Mais gols cadetes após o intervalo

No segundo tempo, o São Cristóvão mantém o espírito de tranquilidade dos 15 minutos finais do primeiro tempo e seguiu administrando o marcador, enquanto o Futuro tentou correr atrás do prejuízo, mas com o emocional desfigurado, o time acaba sendo facilmente anulado pela defesa cadete.

DSCF3054

No entanto, forçando o ataque naturalmente, o São Cristóvão chegou ao quinto gol aos 16 minutos. Michel recebeu bola na entrada da grande área e acertou um belo chute que encobriu o goleiro e estufou as redes no ângulo esquerdo da meta defendida por Vitor. Logo depois, aos 17, o sexto gol veio em rápido contragolpe, onde Jorginho achou Breno livre dentro da grande área, com o goleiro batido fazendo 6 a 0.

O sétimo e último gol do jogo ocorreu na marca dos 28 minutos, Rodrigo levantou da direita, Kanu ajeitou na primeira trave e Erick completou para o gol. Quase que o Futuro Bem Próximo fez o seu gol de honra aos 32, quando Gesse arriscou um belo chute de fora da área e o goleiro Germano, ligado no lance, espalmou sobre o travessão. No final, conta fechada e com direito a “Olé” da torcida cadete na arquibancada. São Cristóvão 7, Futuro Bem Próximo 0.

FICHA TÉCNICA

Campeonato Estadual 2018 – Série B2
1º Turno – 1ª Fase – Grupo A – 3ª Rodada

São Cristóvão 7×0 Futuro Bem Próximo

Local: Estádio Mourão Filho, a Rua Bariri, Rio de Janeiro-RJ;
Data: Domingo, 24 de junho de 2018;
Horário: 15 horas;

Árbitro: Beatriz Oliveira Dantas;
Assistentes: Andréa Izaura Maffra Marcelino de Sá e Ricardo Nogueira da Silva;

São Cristóvão: Germano; Rodrigo, Kaio, Juninho (Luã – 26′ 2ºT) e Uélio; Willian, Pedro, Michel (Erick – 16′ 2ºT) e Iguinho (Kanu – Intervalo); Breno e Jorginho. Técnico: Eduardo da Cruz.

Futuro Bem Próximo: Vitor; Felipe, Patrick, Clark e Wellington; Luan, Renan, Alemão (Thiago – Intervalo), Richard (Ewerton – 8′ 1ºT) (Lucão 31′ 1ºT) e Luquinhas; Gesse. Técnico: Paulo Maia.

Gols: Breno ( 22′ 1ºT e  17′ 2ºT),  Michel (18′ 1ºT e 16′ 2ºT), Jorginho (3’1ºT e 23′ 2ºT) e Erick (27′ 2ºT);

Cartões Amarelos: FUT (Renan);